:::::RIO DE JANEIRO - 07 DE NOVEMBRO DE 2006 :::::

 

Fonte Site LUSA
06-11-2006 17:47:00.
TAP vai recorrer a financiamento bancário para comprar Portugália

Lisboa, 06 Nov (Lusa) - A TAP vai recorrer a financiamento externo para comprar a PGA - Portugália Airlines por 144 milhões de euros, mas o crédito bancário ainda não está contratado, disse hoje à Lusa fonte ligada ao processo.

 

Panrotas
06/11/2006 16:04h

Tap compra a aérea Portugália


O presidente da Tap, Fernando Pinto

A Tap firmou hoje um contrato com a Espírito Santo International para a aquisição de 99,81% do capital da Portugália Airlines (PGA), pelo valor de 140 milhões de euros. A empresa será adquirida livre de qualquer passivo.

No contrato há ainda a previsão de aquisição dos 6% que a Portugália detém no capital da empresa de handling Groundforce, pelo valor de quatro milhões de euros. A concretização da transação, porém, “encontra-se dependente de autorização a ser concedida pela Autoridade da Concorrência”, segundo o documento de compra.

A PGA continuará a manter a sua identidade própria e sua autonomia de gestão. No futuro, serão realizadas mudanças para sincronizar as operações, em especial os horários de vôos, no eixo Lisboa-Porto.

O presidente da Tap, Fernando Pinto, elogiou o desempenho recente da Portugália e a forma como tem ultrapassado as dificuldades, classificando a aquisição como “um passo estratégico para o desenvolvimento da companhia”.

“É com admiração que constato o fato da PGA ter sido reconhecida internacionalmente, nos últimos cinco anos, como a melhor companhia aérea regional da Europa. Esta aquisição vai igualmente proporcionar a Tap uma nova dimensão, necessária para podermos competir com maior equilíbrio com outras companhias estrangeiras”, acrescentou.