Associação dos Mecânicos de Vôo da Varig
Segunda-Feira, 24 de Abril de 2017
20/04/2017

Avançar >   Última >>

extra.globo.com
20/04/2017

Vídeo mostra desespero de passageiros em aeronave que pegou fogo na Nigéria

Um vídeo publicado no Twitter mostrou os minutos de pânico vividos por passageiros da companhia Aero Contractors. O voo seguia de Port Harcourt para Lagos, na Nigéria, quando uma fumaça preta começou a se espalhar pelo corredor e acionou os alarmes de incêndio. Nas imagens, pessoas choram e rezam ao perceber que alguma estrutura da aeronave havia pegado fogo.

A fumaça apareceu depois de 20 minutos de viagem, mas a tensão se estendeu por outros 35 minutos. Enquanto isso, os 53 passageiros ouviam do piloto, pelo sistema de som, que deveriam ficar calmos. Mas o clima, segundo a viajante Oriakwu Okwesilieze, que relatou a experiência nas redes sociais, era de desespero.

"Escapei da morte em um voo da Aero. Só pode ser Deus. Estou grata, Pai. Vinte minutos depois de levantarmos voo, começou a fumaça. Por 35 minutos, oramos, gritamos, vivemos o pânico...", escreveu aos seguidores, ainda na adrenalina do incidente.

Depois dos 35 minutos, o avião conseguiu pousar, amparado por equipes de bombeiros.

A falta de visibilidade e a tosse provocada pela fumaça aumentavam a tensão. O sistema de máscaras de oxigênio não foi acionado. A tripulação orientava os passageiros a usarem lenços molhados para cobrir as vias aéreas.

"A fumaça era tão espessa, não conseguíamos enxergar nada. O engraçado é que nenhum pedido de desculpas ou explicação chegou até nós", reclamou Oriakwu, que teria reclamado ao entrar no voo de que a aeronave parecia "muito antiga".

Um porta-voz da companhia aérea sustentou que os comissários de bordo passaram segurança aos passageiros e entregaram toalhas molhadas como uma medida de precaução para incidentes do tipo. Segundo ele, a aeronave passou pela checagem pré-voo e o alarme soou depois que um passageiro foi ao banheiro.

Segundo o Sahara Reporters, veículo de imprensa local, a Autoridade Nigeriana de Aviação Civil vai investigar o caso.

Assista: http://extra.globo.com/noticias/mundo/video-mostra-desespero-de-passageiros-em-aeronave-que-pegou-fogo-na-nigeria-21232781.html#ixzz4emvm7MeQ

 

 

www.jcnet.com.br
20/04/2017

Novos aeroportos serão leiloados até 2018, mas ainda não há definição

O governo federal irá leiloar mais aeroportos até o fim de 2018 no âmbito do Programa de Parceria de Investimentos (PPI), dando continuidade à rodada de concessões realizada no mês passado, informou nesta quarta-feira, 19, o secretário da coordenação de Projetos da Secretaria Especial do PPI, Tarcísio Gomes de Freitas.

"Está definida (a realização de novos leilões até 2018), só não sabemos ainda quais serão os aeroportos", disse Freitas, em conversa com o Broadcast (serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado), após participação em evento promovido pela Câmara Espanhola de Comércio, em São Paulo.

Segundo o executivo, o governo e o PPI ainda estudam quais aeroportos podem ser concedidos sem que haja um comprometimento da estrutura financeira da Infraero. "Alguns aeroportos vão ter que continuar na carteira da Infraero para que ela não seja uma estatal dependente, e uma estatal dependente custa caro para o Estado", destacou.

Riogaleão

Questionado a respeito do consórcio Riogaleão, Freitas destacou que a saída da Odebrecht do consórcio permitirá o rebalanceamento de forças dentro da SPE, uma vez que a Changi, que já faz parte do negócio, e a HNA, que está entrando, terão a mesma participação na empresa.

"Os 49% de participação da Infraero permanecem", afirmou. "Nos 51% da parte privada, a Odebrecht tinha 60% e a Changi tinha 40%. Agora, a HNA e a Changi terão 50% cada uma". O representante do PPI disse não ter detalhes quanto ao acerto financeiro entre as duas companhias estrangeiras.

Mais cedo, o secretário de Fomento para Ações de Transportes do Ministério dos Transportes, Dino Antunes, afirmou em evento no Rio de Janeiro que o consórcio Riogaleão paga hoje dívida de R$ 920 milhões com o Fundo Nacional de Aviação Civil, referente à parcela atrasada de 2016 da outorga pelo aeroporto internacional Tom Jobim. "Isso vai permitir a saída da Odebrecht do consórcio" afirmou Antunes.

 

 

www.panrotas.com.br
20/04/2017

Gol abre inscrições para seu programa de estágio; saiba

A Gol abriu hoje as inscrições para seu processo seletivo do Programa de Estágio 2017. São cerca de 60 vagas distribuídas em São Paulo e Minas Gerais, para trabalhar na sede da companhia, próximo ao Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, e na central de relacionamento com o cliente, também na metrópole, além do centro de manutenção de aeronaves, em Confins (MG). As inscrições podem ser feitas até 19 de maio, e o início das atividades é previsto para setembro.

Poderão participar estudantes dos cursos de Administração, Ciências e Humanidades, Aviação Civil, Comércio Exterior, Economia, Direito, Engenharia (todos os segmentos), Ciências e Tecnologia, Matemática, Estatística, Psicologia, Turismo, Ciências Contábeis, Relações Internacionais, Comunicação Social (Publicidade e Propaganda, Jornalismo, Marketing), Relações Públicas, Sistemas de Informação, Ciências da Computação e Logística. É necessário estar no segundo ano (para cursos com no mínimo três anos de duração), ter conhecimento de nível intermediário na língua inglesa, e Pacote Office (nível básico).

“O mundo da aviação é fascinante e ao mesmo tempo desafiador. Temos como objetivo trazer para o nosso time novos talentos que possam agregar ainda mais competência e produtividade ao nosso dia a dia”, comenta o diretor de Recursos Humanos da Gol, Jean Nogueira.

Os candidatos interessados podem acessar as redes sociais da Gol (Facebook, Twitter e Linkedin) e conhecer os relatos e trajetórias de profissionais da empresa que iniciaram suas carreiras como estagiários.

PROCESSO E BENEFÍCIOS
O processo é composto por testes on-line, dinâmica em grupo, e entrevista com os gestores. Os selecionados receberão bolsa-auxílio, vale-transporte, vale-refeição, recesso remunerado, seguro de vida, assistência médica e odontológica e benefício viagem.

 

 


Avançar >   Última >>

Página Principal